Identidades Atlânticas e Subjetividades Negras

Edição extraordinária do Blog para divulgar a próxima mesa do “Ciclo de Debates Juiz de Fora: Cidade Negra. Reflexões sobre silêncio, racismo e história”, organizadas pelo LABHOI/UFJF. As mesas já realizadas, ao vivo, estão acessíveis no canal e fazem parte agora do arquivo do Centro de Referência Virtual de mesmo título.

Em cada uma das sessões, conhecemos um pouco mais a história da diáspora negra no principal centro urbano com origem nas antigas áreas cafeicultoras e escravistas do Brasil no século XIX, registrando, ao mesmo tempo, novos depoimentos de pesquisadores e de ativistas do movimento negro e da luta anti-racista na cidade. Os debates realizados têm produzido reflexões iluminadoras sobre os sentidos globais em que os processos discutidos estão inseridos.

A começar pela abertura, em 30 de junho, com a emocionante conferência da historiadora Rita de Cassia Felix…

e a luxuosa participação de Wlamyra Albuquerque (UFBA) e Ynaê Lopes dos Santos (UFF) no debate.

PRIMEIRA MESA: CIDADES NEGRAS NO MUNDO ATLÂNTICO

Vale conferir a mesa completa, com o filme de lançamento do Centro de Referência Digital, coordenado em parceria com Giovana Castro, em paralelo ao Ciclo de Debates que contará com sessões mensais até dezembro de 2020:

Em 28 de julho, o debate sobre o tema transversal Saúde e Racismo contou com onze pessoas ao vivo, incluindo a companheira de blog, Keila Grinberg, que tratou do tema da perspectiva da história atlântica, entre palestrantes, debatedores e intérpretes de libras.

Apesar de alguns problemas técnicos, rendeu depoimentos e discussões iluminadoras sobre interdisciplinaridade, interseccionalidade, ativismo, memória e história, com tradução simultânea em libras. Está arquivado com uma linda edição corrigindo os sobressaltos do ao vivo no canal LABHOI UFJF no youtube.

Por fim, convidamos a todos para a próxima mesa, na terça feira, 25 de agosto, 17:30. Memória e história dos movimentos negros na cidade e suas interfaces nacionais e transnacionais estarão no centro do debate. Não percam. A divulgacão da UFJF tem dado excelente cobertura à iniciativa. Os amigos do BLOG podem saber mais sobre o evento da próxima terça na reportagem disponível neste link.

Deixe um comentário

Arquivado em antiracismo, história e memória, história pública

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s